0 usuário(s) on-line • inicialwebmailrestrito


— OUÇA —

     

Mensagens de Esperança

O VELHO POTE RACHADO

04/08/2011

Um carregador de água, na Índia, levava dois potes grandes, ambos pendurados em cada ponta de uma vara a qual ele carregava atravessada em seu pescoço.

Um dos potes tinha uma rachadura, enquanto o outro era perfeito e sempre chegava cheio de água no fim da longa jornada entre o poço e a casa do Senhor para quem o carregador trabalhava. O pote rachado sempre chegava com água apenas pela metade. Foi assim por dois anos. Diariamente, o carregador entregando um pote e meio de água na casa de seu Senhor. Claro, o pote perfeito estava orgulhoso de suas realizações. Porém, o pote rachado estava envergonhado de sua imperfeição. Sentia-se miserável por ser capaz de realizar apenas a metade do que lhe havia sido designado fazer. Após perceber que por dois anos havia sido uma falha amarga, o pote rachado, um dia, falou para o carregador à beira do poço: — Estou envergonhado. Quero lhe pedir desculpas. — Por que? — perguntou o homem. — De que você está envergonhado? — Nesses dois anos — disse o pote — eu fui capaz de entregar apenas metade da minha carga, porque essa rachadura no meu lado faz com que a água vaze por todo o caminho que leva à casa de seu Senhor. Por causa do meu defeito você não ganha o salário completo dos seus esforços. O carregador ficou triste pela situação do velho pote, e, com compaixão, falou: — Quando retornarmos à casa do meu Senhor, quero que observes as flores ao longo do caminho. De fato. À medida que eles subiam a montanha, o velho pote rachado notou muitas e belas flores selvagens ao lado do caminho, e isto lhe deu ânimo. Mas, no fim da estrada, o velho pote ainda se sentia mal, porque, mais uma vez, tinha vazado a metade da água, e, de novo, pediu desculpas ao carregador por sua falha. O carregador, então, disse ao pote: — Você notou que pelo caminho só havia flores no seu lado do caminho? Notou ainda que a cada dia, enquanto voltávamos do poço, você as regava? Por dois anos eu pude colher flores para ornamentar a mesa do meu Senhor. Sem você ser do jeito que você é, ele não poderia ter essa beleza para dar graça à sua casa.


<- Voltar

Mensagens anteriores

00/00/0000
Ainda quando

02/09/2010
Pegadas na Areia

29/09/2010
Stop Estupidez

07/10/2010
Esperança...

08/10/2010
Aprendendo através das perdas...

15/10/2010
Melhor Amigo

18/10/2010
O Tesouro da Vida

20/10/2010
Seja !

21/10/2010
Janelas da vida....

22/10/2010
Vale a Pena Viver... e Aprender!

27/10/2010
ALGO PARA NUNCA ESQUECER

30/10/2010
O Vento

22/12/2010
Ano Litúrgico

10/01/2011
Ano Novo, Tempo de Recomeçar!

29/06/2011
A paz começa com um sorriso

30/06/2011
A Aranha

01/07/2011
A Cadeira

02/07/2011
A Esperança e a Desesperança

03/07/2011
A Paz Perfeita

04/07/2011
DEUS FALA COM VOCÊ

07/07/2011
O que a Igreja ensina sobre a morte?

08/07/2011
Jesus, de puro Amor...

09/07/2011
O Conselho de Deus

10/07/2011
O sonho com Deus

11/07/2011
Que Deus não permita!

12/07/2011
Para cada pensamento negativo nosso, Deus tem uma Resposta

14/07/2011
Atire a primeira flor

15/07/2011
Não perca a fé

18/07/2011
A Carta de Deus"

19/07/2011
Acorde para Vencer

21/07/2011
A CONSCIÊNCIA DE SUA MISSÃO

23/07/2011
Alegria

26/07/2011
À Margem da Estrada

28/07/2011
Confie Sempre

29/07/2011
Esperança

01/08/2011
AS SETE MARAVILHAS DO MUNDO

02/08/2011
Conto do Lenhador e da Raposa

04/08/2011
O VELHO POTE RACHADO

05/08/2011
INOCENTE OU CULPADO?

08/08/2011
PAZ PROFUNDA

09/08/2011
Gratidão a Deus

11/08/2011
ARREPENDIMENTO E PAZ

12/08/2011
Nosso Deus sabe...

15/08/2011
Jesus contigo

16/08/2011
HOSPITAL DO SENHOR

19/08/2011
Retrato de Jesus

21/08/2011
Deus e o homem

25/11/2011
ADVENTO

24/01/2012
A Oração de Jesus

18/03/2012
PIPOCA DA VIDA

29/03/2012
A vida

16/05/2012
O ESTRANHO

21/06/2012
NUNCA PARE DE SONHAR

21/06/2012
OLHAR PARA CIMA

21/06/2012
DEUS TEM UMA RESPOSTA

Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus • Joaçaba/SC
© Todos os direitos reservados • desenvolvido por: chimaru design