1 usuário(s) on-line • inicialwebmailrestrito


— OUÇA —

     

Pastorais

Oque são Pastorais?

Ação pastoral católica ou simplesmente pastoral é a ação da Igreja Católica no mundo ou o conjunto de atividades pelas quais a Igreja realiza a sua missão, que consiste primariamente em continuar a ação de Jesus Cristo.

A palavra pastoral deriva de pastor, que era um elemento constante no mundo bíblico. Na simbologia bíblica, Deus é comparado ao pastor, aquele que tem ao mesmo tempo autoridade e solicitude para com suas ovelhas. Jesus Cristo também é comparado ao bom pastor no Evangelho de João.

Como instituição, a Igreja atua não só na transmissão de idéias, valores e ideologia, mas também no serviço à comunidade. A teologia que estuda esta ação chama-se teologia pastoral.


cpp

CPP - Conselho Pastoral Paroquial

Objetivo:

Planejar, organizar, animar, acompanhar e avaliar a Pastoral de conjunto da Comunidade Paroquial, expressando a unidade e co-responsabilidade na comunhão Eclesial: leigos e leigas, religiosos e religiosas e presbíteros.

O pároco é o presidente nato, sendo que a coordenação executiva é escolhida pelo próprio conselho ou pelo pároco.

Coordenação:

Clarice Enderle – Fone (49) 3522.3889

 

up TOPO PÁGINA


cpp

CA - Comissão Administrativa

Objetivo:

Organizar iniciativas para obtenção de recursos financeiros, administrando e zelando pelos bens patrimoniais, suprindo as necessidades das pastorais.

Atividades/Ações:

  • Participar do CPC - Conselho Pastoral Comunitário;
  • Prover com recursos financeiros as necessidades da paróquia;
  • Zelar pela conservação, reforma e controle dos bens móveis e imóveis;
  • Efetuar todos os pagamentos;
  • Manter a contabilidade em dia;
  • Fazer as devidas prestações de contas;
  • Conduzir a rotina administrativa da paróquia;
  • Colocar-se a disposição de todas as pastorais;
  • Participar das reuniões das pastorais, sempre que convidado.

Fundamentação:

“Não te deixes vencer pelo mal, mas trunfa do mal com o bem”

Coordenadores:

Delcir e Mari Dotti
Fone: (49) 3521.0036 – Celular: (49) 9995.1350

 

up TOPO PÁGINA


liturgica

Pastoral Litúrgica

Objetivo:

Organizar e mobilizar as equipes litúrgicos existente na matriz, comprometendo uma maior participação da comunidade nas celebrações.

Atividades/Ações:

  • Rever com antecedência a liturgia do ano litúrgico;
  • Orientar as equipes para que busquem a qualidade (comentaristas, animadores e leitores);
  • Participar de cursos para uma constante atualização;
  • Promover reuniões com os dirigentes das equipes com o intuito de refletir, questionar e avaliar a dinâmica das equipes.

Fundamentação:

O Senhor nos abençoe e nos guarde. O Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre nós e tenha misericórdia de nós. O senhor sobre nós levante o seu rosto, e nos dê a paz”. (Números, 6,24-25)

Coordenação:

Theresinha Del Nery Campanhollo – Fone: (49) 3522.2950
Sérgio Ratajenski – Fone: (49) 3522.2457

 

up TOPO PÁGINA


musica

Ministério da Música

Objetivo:

Animar e acompanhar todas as equipes litúrgicas para que tenham um bom repertório e saibam dirigir as celebrações com cantos apropriados e preparados.

Atividades/Ações:

  • Participar de cursos de cantos e repassá-los;
  • Animar as equipes litúrgicas;
  • Preparar as equipes litúrgicas para animar nas celebrações.

Fundamentação:

O Universo inteiro cantará o seu mais belo poema de paz, quando os homens deixarem de se armar uns contra os outros e começarem a se amar uns aos outros, vivendo como irmãos.”

Coordenação:

Theresinha Del Nery Campanhollo
Fone: (49) 3522.2950

 

up TOPO PÁGINA


grupo reflexão

Grupos de Reflexão em Família

Objetivo:

Proporcionar meios apropriados para que o Evangelho seja vivenciado pelo Povo de Deus em pequenas comunidades, unindo as famílias e despertando lideranças para a igreja.

Atividades/Ações:

  • Formar comunidade;
  • Unir as famílias em torno dos valores;
  • Despertar lideranças para a Igreja;
  • Realizar a caminhada de unidade na Fé e Oração;
  • Fermentar a união dos cristãos em comunidade de fé;
  • Promover encontros de formação e espiritualidade para coordenadores e dirigentes;
  • Despertar a Oração = Orar + Ação do leigo comprometido com
    Reino de Deus. Coordenadores e dirigentes.

Fundamentação:

“Perseveravam eles na doutrina dos Apóstolos, nas reuniões em comum, na fração do pão e nas orações.” (At2, 42)

“A Fé desperta a comunidade. A comunidade cria a solidariedade.”

“Quem passou da prática individualista para a comunitária, sabe onde mora a esperança de hoje e de amanhã.”

Coordenação:

João Gilberto e Iracema Ferri
Fone: (49) 3521.0551

 

up TOPO PÁGINA


ecc

ECC - Encontro de Casais com Cristo

Objetivo:

Fortalecer na vida dos casais o vínculo matrimonial e familiar, através de um encontro de três dias, convidando-os a participar de alguma pastoral na comunidade.

Atividade/Ações:

  • Realização do ECC da 1ª Etapa da Paróquia Santa Teresinha de Joaçaba;
  • Promover a integração dos casais com suas comunidades para que realizem trabalhos pastorais;
  • Promover a organização dos grupos de estudos, trabalhos e oração;
  • Estimular a participação dos casais na equipes dirigentes das comunidades onde residem;
  • Organizar os Cursos de Noivos, e nos encontros de Famílias e Filhos;
  • Articular com todos os setores de pastorais da Matriz e Comunidades, para que se faça um trabalho de conjunto.

Fundamentação

“Abre-se as flores no jardim. Na vida se abre a esperança .
O desabrochar das flores agrada o olhar. O florir da esperança alegra a vida.
A alegria de viver enche de flores todos os desertos.”

Coordenação:

Rosana e Roni Lenz – Fone: (49) 3522.1645

 

up TOPO PÁGINA


pastoral familiar

Pastoral Familiar

Objetivo:

Evangelizar no sentido de atingir a família ao longo de toda a vida, para que seja uma comunidade de pessoas, de vida e de amor, onde a partilha seja agente de transformação da sociedade como seu todo.

A Equipe de Pastoral Familiar, surgiu pela necessidade de coordenação e organização das diversas ações dos movimentos e serviços familiares existentes da paróquia. A partir desta implantação, iniciou o seu trabalho buscando congregar os diversos setores pastorais para os objetivos reais da nossa Igreja, enfatizando principalmente a Semana da Família, oportunidade em que toda a comunidade se reúne para vivenciar um momento especial de espiritualidade e partilha. Com a colaboração de todos, a Equipe de Pastoral Familiar vai realizando, aos poucos, a sua proposta de evangelização comunitária, para que a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo possa crescer com solidariedade fraterna, a caminho de um novo tempo neste milênio que há pouco começou.

Etapas:

  • Setor Pré-Matrimonial: Envolve a preparação dos jovens para o matrimônio e a vida familiar, inclui também a celebração adequada do sacramento do matrimônio;
  • Setor Pós-Matrimonial: Diz respeito ao empenho da Igreja local em ajudar o casal a descobrir e a viver a nova vocação e missão de maneira alegre e frutuosa;
  • Setor Casos Especiais: É onde a Pastoral Familiar, guiada pelos princípios da verdade e misericórdia, procura ser “um empenho  generoso, inteligente e prudente, na linha do exemplo do Bom Pastor, às famílias que se encontram em situações difíceis”.

Coordenação:

Domingos e Inês Caleffi
Fone: (49) 3522.2394

 

up TOPO PÁGINA


pastoral do batismo

Pastoral do Batismo

Objetivo:

Conscientizar pais e padrinhos quanto os valores e vivência do sacramento do batismo, como membros pertencentes à comunidade de fé.

Atividades/Ações:

  • Formar equipes nas respectivas comunidades;
  • Organizar os cursos de batismo e preparar a equipes;
  • Fazer o plano do setor;
  • Confeccionar material apropriado.

Fundamentação

“Vós sois a Luz do mundo...
...brilhe a vossa Luz diante dos homens, para que veja as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus.” (Jesus- Mateus 5,14-15)

Coordenação:

Dornelis Fronza
Fone (49) 3522.0165 / 3522.3166

 

up TOPO PÁGINA


pastoral do matrimônio

Pastoral do Matrimônio

Objetivo:

Proporcionar aos noivos através de encontros, embasamento teórico e prático (testemunho de vida), para assumirem com maior consciência o compromisso matrimonial. Preparação de noivos para o casamento

Atividades/Ações:

  • Fazer uma equipe de coordenação;
  • Organizar cursos de noivos e assessorá-los;
  • Preparar palestras, material diversos específicos.

Fundamentação:

“Um novo mandamento vos dou:
Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei. E nisto saberão todos que vós sois os meus discípulos.” (Jesus-João 13,24)

Coordenação:

Ildo e Rosana Perosa
Fone: (49) 3522.4482 / (49) 3527.6600

 

up TOPO PÁGINA


pastoral da juventude

Pastoral da Juventude

Objetivo:

Despertar os jovens para a Pessoa e a proposta de Jesus Cristo, formando líderes capacitados para atuarem na própria comunidade e em outros ministérios da Igreja, comprometidos com a libertação da pessoa e da sociedade, levando uma vida de Comunhão e Participação.

Atividades/Ações:

  • Organizar a caminhada dos grupos com material para encontros, celebrações e encenações;
  • Capacitar os lideres em reuniões bimestrais, nos setores, previamente estabelecidos;
  • Visitar todos os grupos de jovens, incentivando;
  • Introduzir a “pré-vida” como instrumento de formação integral e prevenção ao uso absurdo de drogas – temas do “pré-vida”;
  • Família, sexualidade, DST, relacionamentos, amizades, religiosidade, espiritualidade, valores, meios de comunicação, poder de decisão, projeto de vida, participação do jovem na construção da história, educação ambiental, trabalho e lazer;
  • Informações científicas sobre as drogas: álcool, maconha, cigarro, cocaína, drogas voláteis e auto medicações;
  • Socializar e integrar os grupos de jovens com encontrões periódicos nos setores, com celebrações, apresentações e encenações, sempre animados pelo grupo musical da PJ, e dentro das possibilidades, organizar um encontrão, uma vez ao ano, com todos os grupos.

Fundamentação:

“Você colhe na vida o que semeia na mente. O pensamento humano cria aquilo que pensa.
Você pode criar o que quiser em sua mente, isso já é um milagre.
Ao invés de criar sofrimento, tristeza, miséria, crie a felicidade, o amor, o sucesso.
E assim será.
Lembre-se que o pensamento cria, o desejo atrai, a fé realiza.”

Coordenação:

Mirelle Araújo Casagrande
Fone: (49) 9901.5111

 

up TOPO PÁGINA


pastoral catequética

Pastoral Catequética

Objetivo:

  • Encontros semanais com catequizandos;
  • Encontros de formação para catequistas;
  • Encontro por setores – interior e matriz;
  • Estudo dos documentos da CNBB e outros;
  • Retiros;
  • Visitas às famílias dos catequizados.

Fundamentação:

"A vocação do leigo à catequese tem origem no sacramento do Batismo e se fortalece pela Confirmação; por meio destes sacramentos ele participa do ministério sacerdotal, profético e real de Cristo" dgc-231

"A catequese deve cultivar a formação cristã integral. A fé exige se conhecida, celebrada, vivida e traduzida em oração. A fé se vive na comunidade cristã e se anuncia na missão" dgc-84

"O objetivo da catequese é tornar Cristo conhecido e amado"

Coordenação:

Cleci Pereira dos Santos
Fone: (49) 3522.1294 / (49) 3522.2197

 

up TOPO PÁGINA


ministros extraordinários da sagrada família

Ministros Extraordinários
da Sagrada Família

Objetivo:

Acompanhar, visitar e orientar a comunidade nos momentos de necessidade espiritual, fazendo celebrações, confortando, animando e levando o Cristo Eucarístico aqueles que não podem mais participar na comunidade.

Atividades/Ações:

  • Organizar encontros e reuniões para a formação dos membros;
  • Participar de encontros e fazer o repasse;
  • Visitar enfermos com a Eucaristia;
  • Celebrar cultos – “Celebração da Palavra, celebração da Esperança”;
  • Auxiliar o sacerdote nas celebrações.

Fundamentação:

Não foram vocês que me escolheram, mas fui Eu que escolhi você...” (Jô 15, 16-17)

Coordenação:

Emiliano e Marlene Pinho
Fone: (49) 3521.1061

 

up TOPO PÁGINA


oficina de oração e vida

Oficina de Oração e Vida

Objetivo:

Ensinar os participantes a orar, de uma maneira experimental e progressiva, apoiando firmemente na Palavra e mediante variadas modalidades de Oração.

Atividades/Ações:

  • Introduzir as pessoas na oração litúrgica e na vida sacramental, de acordo com o ensinamento do Magistério Eclesiástico;
  • Recuperar a Paz interior, controle emocional, mediante a prática intensiva da fé e abandono, superado estados de angústia, complexo e traumas;
  • Entrar resolutamente num processo de santificação cristificante, tendo como modelo o Cristo pobre e humilde;
  • Impulsionar o cristão a participar ativamente na missão sacerdotal, profética e régia de Jesus Cristo;
  • Fazer de cada oficinista um apóstolo, integrando-o na sua própria paróquia, nos diferentes serviços que esta oferece para seguir sua vocação, de acordo com: tempo, dons, estado civil e possibilidades.

Fundamentação:

“Aprender a orar, para aprender a Viver.”

Coordenação:

Maria de Lourdes Carvalho
Fone: (49) 3522.2060

 

up TOPO PÁGINA


pastoral vocacional e ministérios

Pastoral Vocacional e Ministérios

Objetivo:

Trabalhar as famílias, setores de pastoral, as escolas e a comunidade para que haja um comprometimento com as vocações e Ministérios.

Atividades/Ações:

  • Organizar encontros e reuniões para integrar os grupos vocacionais do interior e dos bairros;
  • Participar de cursos e repassar;
  • Criar na comunidade um clima vocacional, despertando para as vocações e ministérios;
  • Acompanhar as atividades vocacionais desenvolvidas na Igreja e Comunidade;
  • Divulgar e integrar os trabalhos vocacionais realizados pelos educandários de Joaçaba – semanas vocacionais.

Fundamentação:

Jesus, vendo a multidão, ficou tomado de compaixão, porque estavam enfraquecidos se abatidos como ovelhas sem Pastor. Disse então aos seus discípulos: “A messe é grande, mas os operários são poucos. Pedi, pois, ao senhor da messe que envie operários para a sua messe.” Mt 9, 36-38

“Uma comunidade de FÉ gera muitas e santa vocações”.

Coordenação:

Ir. Zenaide Bianchi
Fone: (49) 3522.0321

 

up TOPO PÁGINA


movimento serra clube

Movimento Serra Clube

Objetivo:

  • Praticar o amor fraterno, formando verdadeiras amizades entre seus membros;
  • Dedicar-se ao trabalho vocacional e missionário da Igreja, em conformidade com a Hierarquia Eclesiástica;
  • Ser cristão autêntico, na Igreja e na sociedade;
  • Amar e apoiar os Consagrados (sacerdotes e religiosos), e os vocacionados (ser seus amigos).

Atividades/Ações:

  • Reunir-se mensalmente para Estudo da Palavra e Documentos;
  • Auxiliar os Sacerdotes e religiosos em suas atividades, apoiando-os e estimulando-os na sua vocação;
  • Divulgar as atividades vocacionais através dos meios de comunicação (jornais, boletins, rádio, televisão,etc.);
  • Rezar pelas vocações, diariamente (terço em família, hora Santa e na Missa Vocacional);
  • Incentivar e ajudar os vocacionados, inclusive financeiramente;
  • Viver um grande amor fraterno entre si (amizade verdadeira);
  • Dar Testemunho cristão na igreja e na sociedade.

Fundamentação:

“Fazer pequenas coisas, mas com grande amor.”

Coordenação:

Dorli e Cecilia Malfatti
Fone: (49) 3522.1666

 

up TOPO PÁGINA


pastoral missionária comipa

Pastoral Missionária Comipa

Objetivo:

Trabalhar a missionariedade junto à comunidade, movimentando e despertando leigos ao serviço missionário nas diversas localidades.

Atividades/Ações:

  • Despertar, junto a comunidade vocações missionários leigas;
  • Motivar e encorajar leigos para o serviço missionário além fronteiras;
  • Participar de encontros e cursos sobre missão;
  • Adquirir material próprio para a formação dos leigos.

Fundamentação:

“Da grande do meu Ideal dependerá o valor de minha vida.”

“Missionário é o cristão que: é otimista, humilde, promove a paz, a luta pela justiça, promove a solidariedade, anuncia Jesus Cristo, é alegre e doa sua vida pelos irmãos.”

Coordenação:

Ary Razera - Fone: (49) 3522.0789
Marilene Carvalho - Fone: (49) 3522.3005

 

up TOPO PÁGINA


infância missionária

Infância Missionária

Objetivo:

Conscientizar e mentalizar para o espírito missionário junto as mesmas, com a missão de evangelizar crianças.

Atividades/Ações:

  • Formar as equipes;
  • Promover encontros de formação para as equipes;
  • Fazer o plano;
  • Criar material apropriado;
  • Realizar encontros bem planejados;
  • Celebrações litúrgicas, formação e encontros de lazer.

Fundamentação:

“Deixar vir a mim as crianças porque delas é o Reino dos Céus”. ( Lc18,16-17)

Coordenação:

Ana Damin
Fone: (49) 3522.1789

 

up TOPO PÁGINA


pastoral social - bocado do pobre

Pastoral Social - Bocado do Pobre

Objetivo:

Amenizar a dor humana através do conforto espiritual e do material, solidarizando-se com o sofrimento alheio e encaminhar soluções, num gesto de amor e solidariedade.

Atividades/Ações:

  • Amenizar a dor humana do conforto espiritual e do material, solidarizando-se com o sofrimento alheio e encaminhar soluções, num gesto de amor e solidariedade;
  • Detectar problemas e dificuldades que merecem auxilio e acompanhamento;
  • Cadastrar as visitas e relacionar juntamente com as mesmas os auxílios prestados;
  • Acompanhar e verificar como a pessoa está se encaminhando, após o auxilio prestado;
  • Organizar subsídios que ajudem à reflexão e sirvam para amenizar as dores humanas.

Fundamentação:

“Não nos cansemos de fazer o bem, porque o seu tempo ceifaremos..”.(Gálatas 6,9)

Coordenação:

Luiz Gonzaga e Raquel Losso
Fone: (49) 3522

 

up TOPO PÁGINA


pastoral da criança

Pastoral da Criança

Objetivo:

Desenvolver na família, a partir da gestante, da mulher e da crianças de 0 a 6 anos, uma ação educativa, organizada e dinâmica, a serviço da VIDA e da ESPERANÇA, envolvendo aos poucos toda a comunidade e entidades governamentais.

Atividades/Ações:

  1. Garantir à criança vida plena através de:
    • Desenvolvimento de ações básicas de saúde e educação;
    • Incentivando a vacinação e o soro caseiro;
    • Acompanhando seu peso e desenvolvimento;
    • Estimulando o aleitamento materno;
    • Usando a alimentação enriquecida.
  2. Lutar para que a criança seja respeitada e valorizada pela sociedade:
    • Participando ativamente na luta pelos direitos da criança e do adolescente.
  3. Visitar e acompanhar lideres e famílias;
  4. Promover e participar de reuniões e encontros;
  5. Articular com entidades sociais, Prefeitura e Paróquia;
  6. Organizar projeto, clube de mães e parcerias diversas para geração de renda;
  7. Informar a comunidade sobre a realidade da saúde, educação e bem estar da criança e gestante;
  8. Resgatar e valorizar alimentação e recursos da natureza através de hortas caseiras;
  9. Desenvolver o pensamento crítico e reflexivo das pessoas frente injustiças:
    • Ajudando-as a questionarem, constantemente suas experiências de vida.
  10. Divulgar as atividades da Pastoral da Criança, incentivando os agentes a registrarem e comunicarem suas experiências.

Fundamentação:

Cristo disse: “Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância”.

Coordenação:

Élida Lúcia Petry
Fone: (49) 3521.3699

 

up TOPO PÁGINA


pastoral da saúde

Pastoral da Saúde

Objetivo:

Organizar e capacitar os agentes da Pastoral as Saúde, dentro de sua realidade, buscando através de ações concretas a promoção, prevenção e a recuperação da saúde de todos.

Atividades/Ações:

  • Organizar cursos, encontros, palestras, para conscientizar sobre a realidade da saúde do povo e o dever de cada um lutar por condições mais humanas de vida;
  • Resgatar e valorizar a sabedoria popular, utilizando-se dos recursos da natureza e conservação do meio ambiente;
  • Conscientizar e debater a importância de uma alimentação natural e de boa qualidade;
  • Fortalecer a Pastoral da Saúde na Paróquia.

Fundamentação:

“O Senhor Fez a terra produzir os medicamentos: O homem sensato não os despreza” (Eclo 38,4)

“A Saúde brota da natureza, desde que o homem saiba usa-lá”.

Cristo disse: “Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância”. (Jo 10,10)

Coordenação:

Maria Radavelli
Fone: (49) 3522.0784

 

up TOPO PÁGINA


pastoral carcerária

Pastoral Carcerária

Objetivo:

Desenvolver o potencial na equipes para ter um coração misericordioso, compassivo com os irmãos presos, acreditando no que Jesus disse: “estive preso e me visitaste”, realizando ações e campanhas solidárias.

Atividades/Ações:

  • Visitar presídio, ouvindo os clamores dos detentos levando a Palavra de Deus;
  • Fazer celebrações diversas e doações de alimentos, livros;
  • Organizar campanhas para auxiliá-lo sem suas necessidades e familiares;
  • Participar de cursos, encontros e reuniões de formação e fazer o repasse.

Fundamentação:

“...Estive nu e me vestistes, doente e me visitastes, preso e vieste ver-me”. (MT 25, 36-37)

Coordenação:

Natalina Galvan
Fone: (49) 3522.0542

 

up TOPO PÁGINA


comunidade, casa, esperança e vida

Comunidade, Casa, Esperança e Vida

Histórico:

O trabalho com dependentes químicos e a CCEV, praticamente começaram, quando Irmão Bernardo ainda era professor em uma escola da periferia da São Paulo, motivado pelo seu relacionamento com jovens dependentes na escola, entre seus alunos e outros na rua. Mas, foi se intensificando e tomando vulto logo após a sua ordenação sacerdotal, especialmente quando assumiu uma paróquia e fundou a CCEV, contando no início com o trabalho voluntário de leigos, os quais compunham a diretoria da comunidade.

Missão: restauração integral da vida dos filhos de Deus.

Recuperação de dependentes de álcool e drogas e seus familiares, e prevenção ao uso e consumo dessas substâncias tóxico-dependentes, conduzindo os seus membros a uma experiência de Deus, através da evangelização.

Objetivos e Fins Sociais

  • Instalar em todo o território nacional comunidades para acolhimento e recuperação de dependentes que se proponham a abandonar o vício através de metodologia própria da CCEV;
  • Instalar em todo o território nacional grupos de ajuda mútua de NATA e NAFTA, para dependentes e familiares, conduzindo seus membros a uma experiência de Deus;
  • Criar grupos de NAVI para jovens em todo o território nacional, visando a prevenção contra o alcoolismo e as drogas, com a finalidade de divulgar os malefícios do vício e exaltar ao benefícios da sobriedade através de palestras, esportes, cultura, artes, despertando a fé e a religiosidade;
  • Criar um centro de formação e capacitação permanente para coordenadores e responsáveis por comunidades de recuperação e núcleos de prevenção, visando ampliar a obra para atingir grande número de pessoas em todo o território nacional;
  • Criar um centro de edição e publicação de material gráfico, audiovisual e cultural visando a prevenção ao uso de drogas e alcoolismo e o treinamento, capacitação e formação de pessoal especializado para coordenação dos núcleos.

Coordenação:

Ricardo e Clarice Tommasi
Fone: (49) 3522.2458

 

up TOPO PÁGINA


pastoral da renovação carismática

Pastoral da Renovação Carismática

Objetivo:

Estudar, refletir e meditar a Palavra de Deus, para conhecer mais Jesus Cristo e sua missão, assumindo um serviço de evangelização, orientação e oração, junto aos irmãos necessitados nas diversas situações.

Atividades/Ações:

  • Participar de encontros reuniões, retiros para aprofundamento espiritual;
  • Organizar o Cerco de Jericó, Gincanas da Palavra de Deus e celebrações;
  • Formar grupos de orações e meditação;
  • Preparar e realizar programas de rádio;
  • Assumir ações solidárias e organização das mesmas.

Fundamentação:

Em verdade vos digo: se tiverdes fé em duvidar, fareis não só o que fiz, mas até mesmo se disserdes a esta montanha: “ ergue-te e lança-te ao mar; isso acontecerá. E tudo o que pedirdes com fé, em oração, nós o recebereis.” (MT 21, 20-22)

Coordenação:

Volnei e Arlete Volpato
Fone: (49) 3522.2858

 

up TOPO PÁGINA


pia união de santo antônio

Pia União de Santo Antônio

Objetivo:

Organizar grupos de trabalhos com a finalidade de uma ação beneficente de caridade cristã, atendendo especialmente os pobres e doentes da paróquia.

Atividades/Ações:

  • Conhecer e registrar todos os pobres e doentes necessidades;
  • Reunir semanalmente os membros das equipes para formação e trabalhos educativos;
  • Auxiliar com dinheiro, mantimentos, roupas e outras;
  • Fazer celebrações mensais com a benção de Santo Antonio e distribuição de pãezinhos.

Fundamentação:

“Quando consideramos a vida fundamental daqueles que seguiram fielmente a Cristo, somos convidados a buscar com novas motivações a cidade futura”. (Heb. 13,14)

Coordenação:

Arlene Michielin
Fone: (49) 3521.3450

 

up TOPO PÁGINA


legião de maria

Legião de Maria

Uma Associação formada por leigos. Tem como fim a glória de Deus, pela santidade de seus membros, através de oração e por um trabalho de apostolado em favor do próximo.

O sistema Legionário hoje espalhado por todo o mundo, tem se mostrado eficaz para ajudar o Católico a praticar a sua fé.

A reunião semanal é o coração donde jorra para as veias e artérias o sangue vivificante, fonte de luz e de energia.

Para o legionário, a reunião é o lugar em que a Mãe Santíssima está à sua espera, e onde amigos verdadeiros e fiéis agrupam-se à sua volta; um lugar para descansar e renovar as forças, após o fiel cumprimento da tarefa que lhe foi confiada. Na reunião da Legião, um lugar onde o amor sincero consegue sobreviver às dificuldades, o ambiente de oração e amor a Deus e ao próximo é pleno de apoio e estímulo para combater o desânimo, as incompreensões, a ingratidão, o medo do ridículo, o cansaço, a monotonia e, por vezes, o aparente insucesso. Entre os membros da Legião, a reunião é um lugar em que a opinião alheia é ouvida e respeitada com caridade.
Na reunião se aprende a rezar, a se basear não nos próprios esforços e atividades, mas na graça divina e no apoio do irmão, que é canal de amor e graça.

O Espírito da Legião:

legião de maria

O espírito da Legião é o próprio espírito de Maria, de quem os legionários se esforçarão, de modo particular, por adquirir a profunda humildade, a obediência perfeita, a doçura angélica, a aplicação contínua à oração, a mortificação universal, a pureza perfeita, a paciência heróica, a sabedoria celeste, o amor corajoso e sacrificado a Deus e, acima de tudo, a sua fé, virtude que só ela praticou no mais alto grau, jamais igualado. Inspirada nesta fé e neste amor de Maria, a Legião lança-se a toda a tarefa, seja ela qual for, "sem alegar impossibilidades, porque julga que tudo lhe é possível e permitido" (Imitação de Cristo, L. III: 5).

Fundador:

legião de maria

Frank Duff nasceu em Dublin, na Irlanda, a 7 de junho de 1889. Entrou para o Funcionalismo Civil aos 18 anos. Aos 24, alistou-se na Sociedade de São Vicente de Paulo, onde foi levado a um mais profundo compromisso com a sua Fé Católica e adquiriu, ao mesmo tempo, uma grande sensibilidade às necessidades dos pobres e desfavorecidos.

Juntamente com um grupo de senhoras católicas e o Padre Michael Toher, da Arquidiocese de Dublin, fundou o primeiro Praesidium (unidade orgânica da Legião) da Legião de Maria, a 7 de Setembro de 1921. A partir desta data até a morte, a 7 de Novembro de 1980, orientou a extensão mundial da Legião, com heróica dedicação.  Assistiu ao Concílio Vaticano II, como observador leigo.

Os seus ímpetos de profunda compreensão do papel da Santíssima Virgem no plano da Redenção, bem como do papel dos fiéis leigos na missão da Igreja, refletem-se no manual, quase inteiramente, obra de suas mãos.

Tessera:

legião de maria

Será entregue a todos os legionários Ativos e auxiliares uma folhinha chamada Tessera, que contém as orações da Legião e reproduz o respectivo quadro.

Entre os romanos, a palavra Tessera designava a ficha ou senha que os amigos entregavam uns aos outros, como sinal de identificação entre eles e os seus descendentes. Como expressão militar, significava a tabuazinha que circulava na Legião Romana com a senha do dia.

A Legião de Maria aplica a palavra Tessera à folhinha que contém as suas orações e o seu quadro, pois reúne estas propriedades:

  • Circula entre todos os legionários;
  • Exprime a verdadeira senha da Legião: as orações;
  • É o símbolo de unidade e fraternidade entre os legionários onde quer que se encontrem.

Por acaso, esta mesma idéia de universidade aplica-se a uma dúzia de termos latinos usados para designar certos elementos característicos do sistema. Facilitam de tal modo a intercomunicação que se tornam indispensáveis. A objeção de que constituem elementos estrangeiros na Legião é inaceitável, pois enraizaram-se de tal maneira que presentemente são palavras legionárias. Seria uma grande injustiça para com a Legião privá-la de uma marca tão útil e característica.

Vexillum Legionis:

legião de maria

O "Vexillum Legionis" é uma adaptação do estandarte da Legião Romana. A águia que fica em cima deste último foi substituído pela pomba - símbolo do Espírito Santo. Por baixo desta, exibe-se com orgulho a legenda: "Legio Mariae" (Legião de Maria). Entre esta e a haste do Vexillum (e unida à primeira por uma rosa e um lírio) há uma moldura oval com a imagem da Imaculada Conceição, copiada da Medalha Milagrosa. A haste firma-se num globo que, nos modelos de mesa, assenta numa base quadrada. O conjunto exprime a idéia da conquista do mundo pelo Espírito Santo, atuando por Maria e seus filhos.

Atividades/Ações:

  • Participar dos grupos de reflexão e oração, semanalmente;
  • Fazer atividades solidárias;
  • Assumir programas de rádio;
  • Colaborar na obras sociais;
  • Zelar pelas vocações;
  • Divulgar a oração do terço e a devoção à Maria.

Fundamentação:

“A bondade é centelha divina acesa nas trevas do mundo. Felizes aqueles que se banham na claridade dessa luz.”

Coordenação:

Iracema Belló
Fone: (49) 3522.4591

 

up TOPO PÁGINA


movimento das capelinhas

Movimento das Capelinhas

O movimento das Capelinhas começou em 1888, no Equador e em pouco tempo espalhou-se pelo mundo inteiro.

Objetivos específicos:

  • Evangelizar as famílias pela visita de Maria na Capelinha;
  • Favorecer a união e a oração em família;
  • Propagar a devoção a Nossa Senhora;
  • Despertar e auxiliar financeiramente as vocações.

Atividades/Ações:

  • Incentivaras famílias a rezar o terço;
  • Participar de encontro, reuniões e celebrações;
  • Formar Grupos de oração, de fé numa devoção crescente à Mãe Maria.

Fundamentação:

“A família que reza unida, permanece unida”
“Feliz da família que reza o terço todos os dias”

Coordenação:

Ieda Gomes
Fone: (49) 3521.1029

 

up TOPO PÁGINA


apostolado da oração

Apostolado da Oração

Objetivo:

Motivar aos integrantes do apostolado da Oração a participar das atividades desenvolvidas entre elas, orações e trabalhos manuais com intenção de melhorar a fé cristã e solidária a todas as comunidades.

Atividades/Ações:

  • Participar de encontros, reuniões e celebrações para maior crescimento espiritual na devoção ao Sagrado Coração de Jesus;
  • Desenvolver atividades caritativas sociais;
  • Visitar famílias, hospitais, obras sociais;
  • Confecções e realização de trabalhos manuais para prestar diversos auxílios solidários.

Fundamentação:

“Tu conservas em paz aquele cuja mente está firme em Ti.” (Isais 26 ,3)

Coordenação:

Irene Segalin
Fone: (49) 3522.1364

 

up TOPO PÁGINA


pastoral da acolhida e visitação

Pastoral da Acolhida e Visitação

Objetivo:

Conhecer a realidade das famílias na comunidade, orientar as mesmas, colaborar na organização pastoral, através de planos, reuniões e celebrações.

Atividades/Ações:

  • Visitar as famílias;
  • Benzer as casas;
  • Participar reuniões dos Conselhos de Pastoral das Comunidades e bairros, para ajudar no que necessitam;
  • Fazer relatório das necessidades urgentes do povo, para favorecer a evangelização;
  • Participar de celebrações nas Comunidades.

Fundamentação:

“Em qualquer casa em que entrardes ficais ali até que deixeis aquela localidade. Onde ninguém vos receber, deixai aquela cidade e em testemunho contra eles sacudi a poeira dos vossos pés." (Cl 9, 4-5)

 

up TOPO PÁGINA


pastoral da comunicação

Pastoral da Comunicação

Pastoral da Comunicação é comunhão, é o elo de ligação entre todos os eventos, pastorais, movimentos, associações que tem na comunidade. Ela é o que dá comunhão, pulsação nas atividades e na existência da comunidade. É a presença efetiva de toda a comunidade em todo e qualquer evento.

A Pascom utiliza-se de todos os meios de comunicação disponíveis e acessíveis ao maior número de pessoas possível: jornal, boletim, mural, site na internet, etc.

A Pascom deve facilitar a divulgação das atividades paroquiais dentro e fora dela e dos eventos entre as pastorais. É um dos mais eficientes recursos para levar a Boa Nova a todos, sem distinções, separações, medos ou preconceitos. Tem uma responsabilidade muito grande: é a poderosa solução para a necessidade urgente de conversão e evangelização.

Objetivo:

Organizar as informações sobre a caminhada pastoral da comunidade, no jornal “O Guia Paroquial” utilizando-o como canal de formação e informação.

Fundamentação:

“Como são belos os pés do mensageiro que anuncia a paz!”

Coordenação:

Fernanda e Kérolen Marca
Fone: (49) 3521.0321

 

up TOPO PÁGINA


pastoral do dízimo

Pastoral do Dízimo

Objetivos:

Desenvolver a nível de Paróquia uma consciência coletiva da importância da oferta do dízimo, trabalhando em grupo em acordo com o Pároco, conselho pastoral e Coordenadores de Dízimo.

Atividades/Ações:

  • Realizar encontros, reuniões e avaliações para melhor desenvolvimento dos trabalhos comunitário;
  • Envolver os Coordenadores nos trabalhos comunitários;
  • Conscientizar sobre a importância do dízimo para aumentar a arrecadação;
  • Elaborar balancetes mensais e repassar aos coordenadores das comunidades;
  • Divulgar junto as demais pastorais a importância do dízimo;
  • Ter unidade nas ações com as demais pastorais;
  • Aplicar o dízimo para as áreas: social, religiosa e litúrgica.

Fundamentação:

“O bem que hoje fazemos é uma garantia de felicidade futura, embora nunca possamos dizer quando ou de que forma essa felicidade virá às nossas mãos”

Coordenação:

Sérgio Ratajensky
Fone: (49) 3522.2457

 

up TOPO PÁGINA

Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus • Joaçaba/SC
© Todos os direitos reservados • desenvolvido por: chimaru design